Artigo

Angela Lansbury reage à polémica causada pelas suas declarações sobre assédio sexual

A atriz de "Crime, Disse Ela" foi muito criticada esta semana por afirmar que as mulheres também têm de aceitar "alguma culpa" nos casos de assédio sexual.

Angela Lansbury reagiu à polémica causada pelas suas declarações de que as mulheres também têm de aceitar "alguma culpa" nos casos de assédio sexual, afirmando estar "devastada" pela revolta e a forma como foram interpretados os seus comentários.

"Não há qualquer desculpa que seja para os homens assediarem as mulheres de uma forma sexual abusiva. E estou devastada que alguém deva julgar-me capaz de pensar de outra forma. Aqueles que têm conhecido a qualidade do meu trabalho e as muitas declarações públicas que tenho feito ao longo da minha vida devem saber que sou uma forte apoiante dos direitos das mulheres.", disse a lendária atriz britânica em comunicado.

Numa referência aos seus 92 anos, concluiu: "Finalmente, gostaria de acrescentar que estou perturbada pela forma rápida e brutal como alguns tiraram os meus comentários do contexto e tentaram culpar a minha geração, a minha idade ou a minha mentalidade, sem terem lido completamente o que disse."

Na terça-feira, a estrela de vários clássicos do cinema e ainda da série "Crime, Disse Ela" foi um dos temas mais debatidos nas redes sociais, tornando-se o alvo de reações de fúria após dizer que as mulheres também têm de aceitar alguma culpa nos casos de assédio sexual.

Ver artigo completo

Comentários