Christian Bale é mais forte do que Jason Momoa, pelo menos nas bilheteiras.

O The Hollywood Reporter avançou que as receitas mundiais de bilheteira de "Aquaman" continuam imparáveis e já estão nos 751,8 milhões de dólares só até ao fim do ano.

Como uma grande ajuda dos 260 milhões da China, a publicação acrescenta que o filme com Jason Momoa está na trajetória para ultrapassar sem grandes dificuldades os 900 milhões antes de sair da última sala de cinema.

"Aquaman" acabará em primeiro lugar na lista das receitas do universo cinematográfico da DC Comics, mas não vai bater os filmes realizados por Christopher Nolna com Christian Bale como Batman: "O Cavaleiro das Trevas" (2008) e "O Cavaleiro das Trevas Renasce" (2012) ficaram ligeiramente abaixo dos 1,1 mil milhões.

O Cavaleiro das Trevas Renasce (2012)

Ao contrário da rival Marvel, a DC Comics tem tido um percurso mais tumultuoso no cinema: tanto "Homem de Aço" (2013), que iniciou o universo, como "Batman v Super-Homem: O Despertar da Justiça" (2016), "Esquadrão Suicida" (2016) e "Liga da Justiça" (2017), dividiram fãs e críticos.

Antes de "Aquaman", só "Mulher-Maravilha" (2017) escapou incólume às críticas.

Provando que a soma das partes não era suficiente, "Liga da Justiça", que juntava todos os super-heróis (incluindo Aquaman), foi mesmo o menos rentável nas bilheteiras.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.