Em 1942, Steve Rogers (
Chris Evans) é considerado fisicamente inapto para se alistar no exército dos Estados Unidos e combater os nazis na Segunda Guerra Mundial. O jovem voluntaria-se então para o Projecto: Renascimento, uma operação militar secreta, e é fisicamente transformado num super-soldado a que dão o nome de Capitão América. Com o seu parceiro Bucky Barnes (
Sebastian Stan), ele luta contra o Red Skull (
Hugo Weaving), o traiçoeiro líder do departamento de armamento avançado de Hitler, cujos planos de domínio do mundo envolvem um objecto aparentemente mágico conhecido como Tesseract.

Capitão América é um super-herói da Marvel Comics, criado para a banda desenhada por Joe Simon e Jack Kirby em 1941, tornando-se desde logo um dos ícones do combate aos nazis nas histórias aos quadradinhos. O filme que agora o leva ao cinema é realizado por
Joe Johnston (que já assinou fitas como
«As Aventuras de Rocketeer» ou
«Parque Jurássico III») e é protagonizado por
Chris Evans,
Hugo Weaving,
Tommy Lee Jones,
Sebastian Stan e
Stanley Tucci.

«Captain America: The First Avenger» faz parte da lista de adaptações da Marvel Comics pensadas como parte integrante de um universo comum, com interpenetrações diversas entre as várias películas.
«Thor»,
«O Incrível Hulk», os dois filmes da série
«Homem de Ferro» e esta versão das aventuras do Capitão América cruzam várias referências, com o objectivo de congregar todas as histórias e os respectivos actores no filme colectivo
«The Avengers», em 2012. Embora esta película de Capitão América decorra durante a Segunda Guerra Mundial, assume-se que, tal como sucedeu na BD, o herói seja «congelado» no final do conflito e reapareça no «presente» para integrar a equipa de heróis.

O filme será exibido em versão 3D e chegará as salas de todo o mundo a 22 de Julho.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.