A vida de Elvis Presley vai chegar ao cinema pela mão de Baz Luhrmann ("Moulin Rouge") e encontrou finalmente a atriz para interpretar a sua mulher Priscilla: será Olivia DeJonge.

O filme pelo qual a atriz australiana de 21 anos é mais conhecida será "A Visita", de M. Night Shyamalan (2015), como uma das jovens que vai pela primeira vez conhecer os seus avós.

Na televisão, entrou nas séries "Will" e "Hiding" antes de se tornar uma das protagonistas de "The Society", lançada pela Netflix já em maio deste ano e renovada em julho para uma segunda temporada.

Elvis e Priscilla Presley estiveram casados entre 1967 e 1973, mas conheceram-se em 1959, quando ela tinha 14 anos e ele 24. Elvis faleceu em 1977.

Em julho, o ator e cantor (e namorado de Vanessa Hudgens) Austion Butler foi anunciado como o rei do "Rock ‘n’ Roll".

"A Olivia é capaz de manifestar a profundidade complexa e a presença que fizeram de Priscilla Presley um ícone por mérito próprio. Ela é uma jovem atriz extremamente talentosa e contraponto perfeito para o Elvis do Austin", disse o realizador ao Deadline, que revelou a eleita.

Para beneficiar dos incentivos fiscais, o filme começa a ser rodado no próximo ano na Austrália, de onde Baz Luhrmann é natural.

Ainda sem título oficial, a história irá acompanhar Elvis desde a pobreza até se tornar um ícone global, um percurso em que foi determinante a complexa relação com o "Coronel" Tom Parker, o empresário que o descobriu e é descrito por alguns como a sua "sombra sinistra".

Tom Hanks vai ser este promotor de espectáculos, intitulado o "coronel" pelo estilo muito próximo do tipo marcial, que se tornou o empresário do cantor em 1955 após ter assistido a uma das suas atuações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.