Um cinema na Flórida expulsou um grupo de mulheres de uma sessão de "Mães à Solta".

O título original do filme é "Bad Moms" e conta como um grupo de mães cansadas de serem exemplares decide reclamar a liberdade que entendem merecer há muito e divertirem-se um pouco.

Várias mães de Fort Myers  decidiram fazer o mesmo e ficaram escandalizadas quando a gerência pediu para abandonarem a sala depois de outros espectadores se queixarem por estarem a amamentar durante a comédia de Mila Kunis.

A justificação oficial que foi dada é que "Mães à Solta" tem uma classificação "R", o que nos Estados Unidos apenas permite a venda de bilhetes a menores de 16 anos se estiverem acompanhados por um adulto, mas proíbe de todo a venda a quem tem menos de seis.

No caso dos bebés, em que o mais novo tinha... quatro semanas.

Algumas mães não se conformam e acham que foram expulsas não por levarem os filhos a um filme adulto, mas por estarem a amamentar.

"Ninguém nos comunicou que crianças com menos de seis não podiam ir a filmes com classificação R", referiu uma das mães, enquanto outra disse à imprensa local que apesar de as leis na Flórida permitirem às mulheres amamentarem em locais públicos, um funcionário dos cinemas lhe disse que tinha de se tapar.

Os cinemas não fizerem comentários ao episódio.

"Mães à Solta" também estreou esta quinta-feira em Portugal.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.