Deadpool vai regressar aos cinemas muito mais cedo do que se esperava e de forma inesperada.

O herói irreverente e ultra-violento que já foi o herói de dois filmes voltará ao grande ecrã a 21 de dezembro,  substituindo "Alita: Anjo de Combate", que passou para 14 de fevereiro de 2019.

O estúdio Fox não adiantou pormenores, mas Ryan Reynolds deixou uma pista nas redes sociais.

O ator publicou nas redes sociais a imagem do super-herói a ler um livro a um muito crescido Fred Savage.

Esta é uma recriação da cena do filme "A Princesa Prometida" (1987), em que Savage participou quando era miúdo e ouvia uma história contada pelo seu avô (Peter Falk) que evitava as partes mais assustadoras.

O Bloomberg confirmou que se trata de uma versão editada do segundo filme com algumas cenas inéditas para a classificação americana PG-13, que autoriza a entrada de menores nas salas. No caso de "Deadpool 2", sem palavrões e referências sexuais e muito menos violência.

Uma vez que a Fox ficará em breve sob a liderança da Disney, há quem especule "online" que esta pode ser já uma experiência de antecipação para ver como os espectadores receberiam no futuro uma versão mais suave dos filmes "Deadpool".

Ainda não se sabe se esta versão irá chegar aos cinemas portugueses.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.