Apesar de ter sido dizimado pela crítica, o novo filme de
Carlos Coelho da Silva, adaptado da série literária juvenil de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada,
«Uma Aventura na Casa Assombrada», foi a película portuguesa mais vista em 2009, com 102.309 espectadores até 31 de Dezembro, e continuando ainda em exibição. O filme foi exibido em 48 salas, de longe a estreia mais alargada do ano na Sétima Arte nacional, em que boa parte das películas não excede uma circulação de dez salas.

Dos 22 filmes estreados, alguns em regime de co-produção e outros com escassa distribuição, só cinco tiveram mais de 10 mil espectadores:
«Uma Aventura na Casa Assombrada»,
«Second Life»,
Contrato,
A Esperança Está Onde Menos Se Espera e
Star Crossed - Amor em Jogo.

Eis a lista completa dos filmes portugueses estreados em 2009 em Portugal, com o respectivo número de espectadores, segundo dados fornecidos pelo Instituto do Cinema e Audiovisual:

1 -
Uma Aventura na Casa Assombrada, de Carlos Coelho da Silva - 102.309 espectadores

2 -
Second Life, de Alexandre C. Valente e Miguel Gaudêncio - 90.164 espectadores

3 -
Contrato, de Nicolau Breyner - 45.379 espectadores

4 -
A Esperança Está Onde Menos Se Espera, de Joaquim Leitão - 40.439 espectadores

5 -
Star Crossed - Amor em Jogo, de Mark Heller - 12.419 espectadores

6 -
100 Volta, de Daniel Sousa - 7.685 espectadores

7 -
Singularidades de Uma Rapariga Loira, de Manoel de Oliveira - 5.897 espectadores

8 -
Morrer Como Um Homem, de João Pedro Rodrigues - 5.822 espectadores

9 -
Um Amor de Perdição, de Mário Barroso - 5.109 espectadores

10 -
A Corte do Norte, de João Botelho - 2.768 espectadores

11 -
La Caja - Quatro Mulheres e Um Morto (co-produção), de Juan Carlos Falcón - 2.673 espectadores

12 -
Salazar - A Vida Privada, de Jorge Queiroga - 2.603 espectadores

13 -
Veneno Cura, de Raquel Freire - 2.552 espectadores

14 -
O Último Condenado à Morte, de Francisco Manso - 2.388 espectadores

15 -
Os Sorrisos do Destino, de Fernando Lopes - 2.316 espectadores

16 -
4 Copas, de Manuel Mozos - 2.175 espectadores

17 -
Ne Change Rien, de Pedro Costa - 2.098 espectadores

18 -
As Operações SAAL, de João Dias - 1.688 espectadores

19 -
Esta Noite (co-produção), de Werner Schroeter - 1.115 espectadores

20 -
Ruas da Amargura, de Rui Simões - 934 espectadores

21 -
A Zona, de Sandro Aguilar - 592 espectadores

22 -
De Profundis, de Miguelanxo Prado -284 espectadores

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.