O grupo vencedor, que  levou um milhão de kwanzas como prémio, retratou nas suas canções aspectos sobre a sinistralidade rodoviária como segunda causa de morte, incluindo a apresentação de peças alegóricas de viaturas acidentadas.

No segundo lugar ficou o grupo Ovatekulo Vohamhaba, que em português significa os sobrinhos do rei, do município do Namacunde com 469 pontos, tendo recebido 700 mil kwanzas e em terceiro sagrou-se o grupo Beta Ngó do Cuanhama com 459 pontos, arrecadando 500 mil kwanzas.
 
Na classe infantil, o grupo Simbolo da Paz, do Cuanhama, conquistou o primeiro lugar com 143 pontos e levou 500 mil Kwanzas, enquanto o segundo classificado o Beta Ngo com 137 pontos, teve direito 350 mil kwanzas. Já o terceiro colocado, o Candengue da Paz 134 pontos, foi-lhe  atribuído a quantia de 200 mil Kwanzas.

Foram igualmente premiadas as melhores rainhas de cada classe, sendo que a infantil recebeu 35 mil e a da classe adulta 50 mil Kwanzas, respectivamente.

Na ocasião, o governador provincial do Cunene em exercício, José do Nascimento Veyalenge, enalteceu o trabalho do corpo de jurado pela escolha feita de acordo com o que foi apresentado por cada grupo onde os melhores foram vencedores.

Jose do Nascimento Veyalenge pediu aos grupos participantes a melhorarem cada vez mais em termos organizativos e a apostarem em termos culturais na próxima edição, de modo a contribuírem na cultura da província em partícular e do país no geral.

O desfile provincial contou com a participação de 15 grupos carnavalescos, entre os quais nove na categoria dos adultos e seis em infantis.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.