O detentor do título, o União Sagrada Esperança, do distrito urbano do Rangel, vai, como é a sua marca, levar os foliões a dançar o Semba, à semelhança do histórico e recordista de títulos (12) do Carnaval de Luanda, o União Mundo da Ilha, do distrito urbano da Ingombota.

 

A excepção será o União Njinga a Mbande (Viana), vencedor do Carnaval em 2013, cujos bailarinos exibem-se ao estilo da Cabecinha.

 

O Semba é um dos estilos de dança e de música angolano mais populares. A palavra semba significa umbicada em Kimbundo.

 

A estrutura mais antiga do Semba situa-se na masemba (umbigada), uma dança angolana do interior caracterizada por movimentos que implicam o encontro do corpo do homem com o da mulher: o cavalheiro segura a senhora pela cintura e puxa-a para si provocando um choque entre os dois (semba).

 

Já a Cabecinha, também conhecida como Kabetula é um estilo de dança carnavalesca da região do Bengo. A realização da dança consiste em saracoteios bem rápidos e saltos acrobáticos.

 

As vestes dos bailarinos costumam ser camisolas, de preferência brancas, ou de tronco nu com lenços amarrados na cabeça e outro no pulso.

 

Além disso, outro acessório indispensável para a execução da dança é o apito, que serve para fazer as marcações rítmicas do comandante da dança.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.