A jovem bióloga Adjany da Silva Freitas Costa, 30 anos, foi nomeada na segunda-feira como a nova ministra de um "superministério", que resulta das fusões dos ministérios da Cultura, do Turismo e Ambiente.

O novo Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente que resulta da remodelação do executivo, que encolheu de 28 para 21 ministérios, vai contar com secretarias de Estado da Cultura, Turismo e Ambiente.

"Esta nova configuração que o Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente tem agora, a partida, deixa-nos com enormes expectativas, até porque a titular do ministério é jovem, bióloga, pessoa que certamente trará um novo ambiente de trabalho, novas ideias ao novo Ministério", disse hoje à imprensa o presidente da UNAC-SA, Zeca Moreno.

Para o músico e líder dos artistas e compositores angolanos, a jovialidade da nova ministra do setor "poderá, de certa maneira, ajudar a fortalecer o Ministério e alimentar a nossa expectativa de que continuará a haver uma aposta na pesquisa".

E "na divulgação dos nossos valores culturais e também a valorização dos fazedores de Cultura no nosso país", apontou.

Zeca Moreno recordou que a UNAC-SA é uma instituição de utilidade pública e parceira do Estado, acrescentnado: "estamos disponíveis a participar nos projetos que o Ministério venha a desenhar no sentido de darmos a nossa contribuição com vista a fortalecer o setor".

A nova ministra angolana da Cultura, Turismo e Ambiente é uma das vencedoras do prémio Jovens Campeões da Terra 2019 das Nações Unidas, pelo empenho e proteção do ambiente.

O Presidente da República  fez divulgar na segunda-feira a lista dos novos membros do executivo, que encolheu de 28 para 21 ministérios, destacando-se a saída de Manuel Augusto, das Relações Exteriores, substituído pelo seu secretário de Estado Tete António.

Da longa lista de exonerações divulgada pela Casa Civil de João Lourenço constam 17 ministros e 24 secretários de Estado, bem como o secretário do Presidente da República para os Assuntos Políticos, Constitucionais e Parlamentares e o diretor do Gabinete de Ação Psicológica e Informação da Casa de Segurança do Presidente da República.

Mas entre estes muitos assumirão as mesmas funções no novo executivo, enquanto outros terão novas pastas e outros ascendem no poder governamental.

Os novos membros do executivo devem tomar posse na quarta-feira.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.