Em entrevista  à  Angop à margem da 15ª edição do Festival Luanda Cartoon, Júlio  Pinto, autor da obra “ Eles ainda Cantam”, considera o certame  como   uma  oportunidade para se mostrar  o  talento    dos  fazedores  de banda desenhada, mas  urge  a  necessidade  de mais  apoios para se estimular    e  contribuir para o crescimento deste segmento das artes.

“A  nível  nacional  temos  muitos talentos, mas  temos tidos  muitas  dificuldades  no  que  tange  aos  apoios  para  a  produção   de  obras, factor que constitui  um obstáculo  ao crescimento  da   banda  desenhada“, lamentou  o  artista.

Por sua vez  Adão  Dimba enalteceu o esforço  da  organização  do  evento, demonstrando o empenho e o interesse  no  crescimento    da  banda    desenhada    nível nacional.

Já Lindomar de Sousa  solicita a  classe  empresarial  nacional  o  seu  engajamento   no apoio  à  produção  de  obras  dos  criadores  de  banda  desenhada, por forma   a  participar  e  motivar   os criadores  da  classe.

“É  preciso  a  moralização  da  classe empresarial  para  apoiar a efectivação  de actividades  e  motivar  os  artistas jovens“, lamentou  o  responsável  do evento.

O Festival Luanda Cartoon 2018 acontece no quadro de uma parceria entre a Olindomar Estúdio e o Camões - Centro Cultural Português em Luanda.

O Festival Luanda Cartoon foi criado em 2003 pela dupla dos irmãos cartoonistas, Lindomar de Sousa e Olímpio de Sousa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.