Para Elton John, Michael Jackson "era verdadeiramente doente mental e uma pessoa perturbadora". A revelação foi feita pelo próprio cantor britânico no livro "Me", que será lançado esta terça-feira, dia 15 de outubro.

Na biografia, o artista recorda que conheceu Michael Jackson quando este era ainda um jovem e que, anos mais tarde, começou a ter dúvidas em relação "à medicação que ele andava a tomar". "Parecia que tinha enlouquecido completamente", acrescenta no livro, citado pelo site Radar Online.

"Fosse por que razão fosse, ele não parecia conseguir lidar com a companhia de adultos", acrescenta ainda Elton John.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.