J.K Rowling, autora dos livros sobre Harry Potter, recordou este fim de semana, no The Guardian, o período em que viveu no Porto. No texto, a escritora recorda que tinha 25 anos quando concorreu a um lugar como professora de inglês.

"Era em Portugal, um país que eu não conhecia e em cuja língua em não conseguia dizer uma única palavra", começa por lembrar, frisando que rapidamente se apaixonou pela cidade Invicta". "Apaixonei-me pelo Porto e ainda o amo", confessou no The Guardian.

"Fiquei encantada com o fado, a música tradicional melancólica que reflete os próprios portugueses que, de acordo com a minha experiência, têm uma calma e uma gentileza únicas entre os povos latinos que encontrei até agora. As espetaculares pontes da cidade, as suas vertiginosas margens do rio, os íngremes edifícios antigos, as tradicionais casas do vinho do Porto, as largas praças: fiquei extasiada com tudo isto", recorda J.K Rowling.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.