John Doe (nome que designa uma pessoa não identificada), alegou num tribunal de Los Angeles que Kevin Spacey o apalpou durante uma sessão de massagem em Malibu, Califórnia, há dois anos.

Um membro da equipa de Spacey entrou em contacto com o massagista para marcar uma sessão de massagens para o ator, na sua casa.

O massagista afirma que, durante a sessão, o ator pegou sua mão e a colocou nos seus genitais, de acordo com a demanda.

Kevin Spacey, de 59 anos, vencedor de dois Óscares, perdeu o papel na série "House of Cards" após várias denúncias de abuso sexual pouco depois do escândalo com o produtor Harvey Weinstein.

O ator norte-americano é acusado por mais de 10 homens. Uma investigação contra Kevin Spacey também foi aberta em Londres.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.