Numa mensagem sobre o Dia Internacional dos Museus, que se assinala nesta segunda-feira, 18, o departamento ministerial considera imprescindível a criação de condições para uma oferta cada vez mais diversificada de serviços culturais, educativos e recreativos.

Adianta que os desafios da inclusão e da diversidade dos museus prende-se com a necessidade de torná-los mais representativos, reforçando a sua importância e papel como mediadores entre o património cultural e as pessoas.

A rede museológica angolana é constituída pelos museus de Antropologia, de História Natural, da Moeda, de História Militar, de Arqueologia (Benguela), Etnográfico do Lobito, da Escravatura, Regional do Dundo, do Huambo, Huila, Cabinda e o dos Reis do Congo (Zaire).

O Dia Internacional dos Museus é celebrado anualmente a 18 de Maio. A data é assinalada desde 1977, por proposta do Conselho Internacional de Museus (ICOMC), organismo da UNESCO.

A data foi instituída com o objectivo de incentivar a população ao hábito de visitar estes espaços considerados protectores da cultura e/ou da história dos povos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.