O director da companhia "Sorriso Negro" de São Tomé e Príncipe, João Trindade, disse ser grande a expectativa em relação ao Festeca, por ser um momento de convívio, comunicação e  partilha de experiências.

Adiantou que o grupo se engajou bastante para chegar ao festival, com vontade de conhecer Angola e reforçar o intercâmbio de teatro.

O Congo democrático é representado pela companhia " Marabutu" para  exibir-se com a peça "Tempo do aquário", obra que retrata o combate a imigração na fronteira entre Angola e a RDC, segundo o professor do grupo, Pinto Simba.

Disse que o espectáculo retrata os conflitos entre RDC e Angola, com destaque para situação da entrada e saída dos cidadãos e o incesto.

Já o actor Jovani Cataia, do grupo " Filhos de Angola", proveniente da província de Malanje, disse ser  uma grande responsabilidade representar a província no festival.

Cazenga, um dos nove  municípios da província de Luanda, conta  com seis distritos urbanos, Tala-Hadi, Hoji ya Henda, Cazenga, 11 de Novembro  Kima-kieza e Calawenda.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.