A governante fez essa consideração à imprensa no final de uma visita efectuada por Inkhosikat Make Mahlangu, em sua companhia, ao referido local, onde recebeu explicações sobre o acervo museológico exposto, com destaque para as esculturas do grupo étno-linguistico da Lunda Cokwé.

Durante a visita, além da apreciação das esculturas, houve troca de ideias entre a ministra Carolina Cerqueira e a Rainha Inkhosikat Make Mahlangu, tendo manifestado impressionada com o acervo cultural como a marimba e a dança.

Manifestou também o desejo de regressar a Angola, para partilhar a sua rica cultura, tradição e valores nacional.

O Museu Nacional de Antropologia, construído no âmbito do Plano Nacional de Desenvolvimento 2013/2017, com recurso ao investimento público, tem três pisos e varias valências.

Situado no Centro Histórico da Cidade de Luanda, a instituição está instalada num edifício secular (Século XVIII), de estilo palaciano, com níveis de pavimentação diferenciados, construído com pedra e cal na parte mais antiga e a tijolo e cimento na parte norte do edifício.

Criado no dia 13 de Novembro de 1976, o Museu Nacional de Antropologia tem por missão assegurar a preservação do acervo etnográfico e antropológico da memória colectiva do povo angolano, além da investigação, recolha e exposição do mesmo para o usufruto público.

O Museu Nacional de Antropologia possui um acervo de cerca de seis mil objectos (parte do acervo é constituído pelo espólio do antigo Museu de Angola e outra parte proveniente do acervo do Museu do Dundo) que comporta maioritariamente peças etnográficas que descrevem o quotidiano dos diferentes grupos etnolinguísticos de Angola (os Bakongo, os Ambundu, os Ovimbundu, os Lunda e Cokwe, os Ovingangela, os Nyaneka Khumbi, os Helelo, os Ovambó e os San/Kung).

Do acervo, destaca-se as peças sobre pastorícia, caça, metalurgia, pesca, tecelagem, instrumentos musicais, cerâmica, cestaria, crenças religiosas, arte africana, poder Tradicional, arte sacra, numismática e artes plásticas (pintura).

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.