Donald Trump voltou a comentar a detenção de A$AP Rocky - o rappper norte-americano foi detido na Suécia depois uma briga no dia 30 de junho. Na sua conta no Twitter, o presidente norte-americano frisou estar "desapontado".

"Estou muito desapontado por ver que o primeiro-ministro Stefan Löfven não pôde agir", frisou. "A Suécia desapontou a comunidade afro-americana nos Estados Unidos. Vi os vídeos do A$AP Rocky e ele estava a ser perseguido e assediado", acrescentou.

"Liberdade para A$AP Rocky. Fazemos muito pela Suécia mas o inverso não acontece. Deveriam focar-se no problema que têm com o crime", sublinhou.

O Ministério Público da Suécia avançou que o cantor foi detido depois da briga, suspeito de agressão com agravante, com outras três pessoas, duas delas acusadas de agressão com agravante e uma de agressão.

A$AP Rocky, nascido em Nova Iorque, lançou o primeiro álbum em 2013, "Long. Live. ASAP".

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.