Em estúdio, a gravar, esta sexta-feira, Telma Lee contou em exclusivo ao SAPO que não vê a hora de ouvir a música tocar nos táxis, rádios, televisões e demais plataformas, aproveitando ainda para deixar claro que essa experiência é a realização de um velho desejo no mundo da música: “Há muito que queria desafiar os meus limites e navegar a fundo no kuduro. Este convite veio mesmo a calhar, vai ser uma música muito forte, colocámos muita fé e muita garra nesta parceria”, disse a cantora.

Ainda sobre a união improvável, Telma informou que o convite surgiu do próprio grupo Xtrubantu (criadores do hit), logo após várias pessoas terem aplaudido a sua actuação no palco da Festa da Música, espaço onde escolheu revelar a sua veia kudurista.

Confira mais no vídeo:

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.