Fruto das suas reportagens denominadas “Na Lente”, o jornalista da TPA foi o grande vencedor da noite, ao arrebatar ainda o prémio da Comunicação Social.

Na gala, que contou com a participação da vice-presidente do MPLA, Luísa Damião, foi ainda consagrado na classe de apresentador de programa de entretenimento de televisão do ano Igor Benza, profissional da TV Zimbo.

Venceram ainda as suas categorias Miguel Buila (músico gospel do ano), Filho do Zua (cantor do ano), Manucho Cola (DJ do ano), Staff Stormy (staff taxista do ano), Lemos Alberto (jovem empreendedor do ano), David Juízo (líder associativista do ano), Manuel Salvador (professor do ano).

Também foram galardoados Jair Pereira (orador motivacional do ano), Renata Franco (modelo feminina do ano), Diosne Tomás (modelo masculino do ano), Miguel Henriques (estudante do ano), Laucio da Costa (líder estudantil do ano), Claudineth Cerqueira (médica do ano) e Diboras Produções (empresa produtor de eventos do ano), assim como foi homenageado o grupo musical N'Sexy Love.

A vice-presidente do MPLA, na ocasião, enalteceu a iniciativa do Secretariado Provincial da JMPLA de Luanda por premiar jovens que destacam-se nas mais variadas vertentes da sociedade e encorajou a juventude a ser mais empenhada nas acções que concorrem para o desenvolvimento do país e bem-estar da população.

Já o primeiro secretário provincial da JMPLA de Luanda, Nelson Funete, explicou que o “Projecto Jovens de Mérito” visa premiar e homenagear todos os jovens preponderantes e participes activos nas tarefas de desenvolvimento e preservação do bom nome da capital do país, nos mais variados domínios da sociedade.

Por sua vez, o secretário nacional da organização juvenil do partido maioritário em Angola, Luther Rascova, enalteceu a iniciativa da JMPLA de Luanda por reconhecer e valorizar os esforços dos jovens em prol do crescimento da capital do país, em particular, e do país, em geral.

Defendeu a necessidade da sociedade promover, incentivar e apoiar mais os esforços dos jovens angolanos.

A JMPLA, realçou, tem sido uma organização impulsionadora das boas práticas por parte dos jovens, através dos seus programas académicos, sociais e de empreendedorismo.

O evento foi animado com actuação dos cantores Filho do Zua, Abiude, Miguel Buila, bem como houve sessão de dança com o grupo Lambada do Kinaxixi.