"Devido à gravidade dos recentes acontecimentos, decidimos encerrar a produção de The Jeremy Kyle Show", anunciou a diretora executiva do programa, Carolyn McCall.

Numa primeira fase, o programa foi suspenso após a informação do suicídio de Steve Dymond, de 63 anos, que durante a sua participação no talk show falhou num teste do detetor de mentiras ao ser questionado se havia traído a namorada.

A ex-companheira de Dymond, Jane Callaghan, afirmou à imprensa que depois da gravação do programa, que não foi exibido, o casal se separou.

Jane revelou que Steve Dymond estava deprimido e havia apresentado um atestado médico para participar no programa.

O jornal The Sun informou que Dymond sofreu uma overdose de morfina dez dias depois de ter participado no programa.

A ex-namorada afirmou que pouco antes de morrer, Dymond enviou um SMS no qual dizia que não poderia viver sem ela.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.