Depois do falhanço de público e de crítica de "A Ascenção de Júpiter", que chegou às salas de cinema este ano, Andy e Lana Wachowski estreiam-se no pequeno ecrã com uma das novas apostas do Netflix.

A dupla encarrega-se da autoria, escrita e produção executiva de "Sense8" ao lado de J. Michael Straczynski (criador de "Babylon 5" e com um longo currículo como argumentista de banda desenhada) e também tem a seu cargo a realização da maioria dos 12 episódios (juntamente com nomes como Tom Tykwer, realizador de "Corre Lola Corre" e colaborador em "Cloud Atlas").

Entre o drama o thriller, em ambiente de ficção científica, a série acompanha oito personagens espalhadas pelo mundo que se encontram mental e emocionalmente ligadas e cujas vidas correm perigo quando uma organização tenta persegui-las. De acordo com os criadores, este é o ponto de partida para uma história que pretende explorar temas que vão da política à identidade de género, da religião à sexualidade.

O elenco de "Sense8" inclui nomes como Daryl Hannah, Naveen Andrews (que interpretou Sayid em "Perdidos") ou Max Riemelt (do drama alemão "Free Fall", sobre dois polícias homossexuais) e a ação desenrola-se em Londres, Berlim, Cidade do México, São Francisco, Chicago, Seul, Bombaim e Nairobi. Entre a galeria de personagens contam-se uma uma blogger e hacker transgénero, uma mulher de negócios perita em artes marciais ou um ator de telenovelas que mantém uma relação homossexual em segredo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.