Os Simpsons voltaram a antecipar o futuro um grande acontecimento mediático. Há 20 anos, os criadores da série dedicaram um episódio da série animação à fraude fiscal, cena que está ser comparada com o escândalo "Panama Papers".

Em 1996, durante o episódio "Bart The Fink", Bart Simpson expõe os vários esquemas de fraude fiscal do palhaço Krusty. Na cena em questão, o gerente do banco das Ilhas do Caimão é questionado relativamente às atividades dos clientes.

"Peço desculpa. Não posso revelar informação sobre a conta secreta e ilegal desse cliente", começa por responder o gerente do banco. "Oh, que porcaria. Não devia ter dito que ele era um cliente... Oh, que porcaria, não devia ter dito que era segredo... Oh, que porcaria! De certeza que não devia ter dito que era ilegal!", acrescenta depois de desligar a chamada.

Esta não é a primeira vez que a série prevê o futuro. Por exemplo, no episódio de 19 de março de 2000 de "Os Simpsons", Bart vê o futuro da família e descobre que Lisa é a presidente dos Estados Unidos da América. Ao telefone, a irmã diz-lhe que tem de resolver alguns problemas deixados por Donald Trump, o seu antecessor. Ao mesmo tempo, na Sala Oval, um dos empregados da Casa Branca mostra um gráfico que prova que o país está falido.

Conheça na galeria 10 casos em que os Simpsons previram o futuro:

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.